17 abril 2012

Web Novela Indas e Vindas de Helenna Martinely Capitulo 1



Acredito no poder da leitura e porque não escrever algo que possa interessar a todos? Quando somos adolescentes passamos por diversos momentos em nossas vidas momentos que nos dá vontade de sumir, outros de chorar ou simplesmente sentar em uma calçada e rir até perder o folego, quando comecei a escrever esta web eu simplesmente basei em minha vida porém escrevi da maneira que queria que ela tivesse sido, nada é perfeito, posto hoje a continuação espero que gostem.



Meus pais foram casados por 21 anos minha mãe casou grávida do Túlio aos 14 anos logo eles vieram para a nossa cidade e meu pai montou a pequena fábrica que hoje é a mais conhecida do Brasil, ele pagou os estudos para minha mãe ela se formou em arquitetura e virou decoradora de interiores.
De uns tempos para cá eu notei que meus pais estavam mais afastados do que o normal principalmente porque cancelaram nossas férias de verão que simplesmente era uma regra da minha família passar o verão na nossa casa de praia. Brigas constantes por nada e meu pai dormindo no quarto de hospedes eles sempre são firmes por mais que estão com problemas nunca deixa transparecer, mas desta vez eles não fizeram questão de esconder nada.
Resumindo um belo dia após um dia longo no meu curso de inglês eu estava indo para casa e quando cheguei deparei com a pior cena que poderia existir no mundo meus pais estavam brigando e se ofendendo com palavras e foi ai que eu ouvi a frase:
- “Eu quero divórcio!”.
Da boca da minha mãe e de uma coisa eu tinha certeza que a partir daquele dia minha vida nunca mais seria a mesma subi para o meu quarto e decidi que não iria me intrometer primeiro porque eles eram um casal e segundo porque eles são maduros suficientes para se acertar e souber como se comportar eu coloquei meus fones de ouvidos e comecei a buscar entender a letra de Barlow Girl deste jeito seria mais fácil não prestar atenção no que estava ouvindo. Quando acordei no outro dia meu pai não estava mais em casa e a única coisa que minha mãe falou para mim e meus irmãos foram:

Um comentário:

  1. oow amiga lindo aqui, já te coloquei no meu blogroll *-*
    bjoos!

    ResponderExcluir